X
Menu principal
Início
Alegrete
Prefeitura
Órgãos
Serviços
Notícias
Galerias
X
Menu de acessibilidade
Ir para conteúdo [1] Ir para menu [2] Ir para busca [3] A- [4] A+ [5] Alternar contraste [6] Mapa do site [7]
Menu de acessibilidade Ir para conteúdo [1] · Ir para menu [2] · Ir para busca [3] A- [4] · A+ [5] · Alternar contraste [6] · Mapa do site [7]
NOTÍCIAS
20/10/2021
Secretaria de Promoção e Desenvolvimento Social realiza mais 110 mil atendimentos em oito meses
A Prefeitura de Alegrete, por meio da Secretaria Municipal de Promoção e Desenvolvimento Social (SPDS), fez um balanço dos trabalhos realizados nos primeiros oito meses de 2021. A pasta realizou cerca de 110 mil atendimentos e desenvolveu diversas ações assistenciais neste período. Foram 104.150 atendimentos e intervenções na Rede de Proteção Social Básica, onde os dados são resultados dos trabalhos desenvolvidos nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS’s), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Cadastro Único, Acessuas Trabalho, Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), Programa Criança Feliz e Conselho Tutelar.

A gestora da pasta, Iara Cafferati, comemora a estatística que dá média de 13.750 atendimentos mensais e afirma que o objetivo da gestão do prefeito Márcio Amaral e do vice-prefeito Jesse Trindade é priorizar a necessidade do público atendido pela Prefeitura. “Nós iniciamos a gestão com a intenção de qualificar o atendimento cada vez mais, priorizando na ponta, aquele que necessita do nosso trabalho. Então buscamos constantemente qualificação para este atendimento, gerando assim um contato mais eficiente”, comentou.

Segundo ela, a Rede de Proteção Social de Média Complexidade atendida pelo CREAS foi responsável por 3.307 atendimentos. Já na Rede de Proteção Social de Alta Complexidade que incluí, por exemplo, a Moradia Transitória e a Casa de Passagem, o número de atendimentos aos usuários somou 2.225. “As equipes do CRAS também foram muito acionadas. Além das inúmeras atualizações no Cadastro Único/Bolsa Família. O CRAS tem a missão de atender usuários em situação de vulnerabilidade social ou que necessitam de atendimento dos programas sociais do Governo Federal. São realizados acompanhamentos e orientação psicossocial e também atendimento individualizado nas casas dos usuários e suas famílias. Mesmo durante a pandemia, com todas as medidas de biossegurança sendo tomadas, foram feitas visitas domiciliares”, ressalta a secretária.

Ainda nos CRAS´s, o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), que desenvolve atividades com crianças, familiares e comunidade, objetivando o fortalecimento de vínculo e prevenção de situações de exclusão social e ou de risco, funcionou a pleno.

No CREAS, o papel de acolher e acompanhar usuários foi cumprido. Houve também o atendimento psicossocial, entrega de benefícios e cumprimento de medidas socioeducativas. “Nosso objetivo para os próximos meses é sempre melhorar o desenvolvimento do serviço prestado nas unidades, aperfeiçoando os atendimentos realizados nos Centros de Referência de Assistência Social e nos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, bem como a capacitação dos trabalhadores da Proteção Social Básica, possibilitando a evolução e continuidade do atendimento qualificado”, enfatizou Iara.
Últimas notícias Ver todas notícias

Vídeos
#VacinaAlegrete - Covid19
Vídeo Institucional Alegrete